O que você pode aprender com um bebê sobre como aprender inglês?

Publicado em
3/12/2020
|
📖
7
minutos de tempo de leitura
❗Atenção. Este artigo foi traduzido por um robozinho muito útil. ❗

Não está satisfeito com a tradução? A versão em inglês está aqui.
Alastair Budge
Escrito por
Alastair Budge

Você pode não acreditar, mas os bebês são excelentes estudantes de idiomas. Aqui está o porquê.

Os bebês podem não parecer os exemplos óbvios de como ser um bom aluno de idiomas.

  • Eles realmente não conseguem falar nenhum idioma corretamente
  • Eles cometem muitos erros
  • Eles nunca estudam
  • Eles não guardam livros de vocabulário e nunca fazem anotações
  • Eles são facilmente distraídos

Em face disso, eles não têm algumas das principais características que tradicionalmente se pode associar a bons estudantes de inglês e aprendizes de línguas.

Mas podemos aprender muito com os bebês e, de fato, seus resultados são normalmente bastante incríveis, apesar das deficiências mencionadas acima.

A maioria dos bebês, com cerca de 3 anos de idade

  • Pode 'falar' e 'entender' pelo menos 1 idioma, com alguns falando 2 ou mais
  • Mesmo que um bebê se mude para outro país, normalmente escolhe o idioma dentro de alguns meses

Por que é isso?

Sim, existem todos os tipos de vantagens neurológicas que os bebês têm. Seus cérebros pequenos são como esponjas e, puramente do ponto de vista neurológico, é mais fácil obter novas informações aos 2 anos do que aos 21, 51 ou 91 anos.

Mas isso não deve significar que nós, adultos, jogamos as mãos para o alto e admitimos a derrota, dizendo que "nossos cérebros antigos simplesmente não conseguem absorver novas informações na mesma proporção que os cérebros dos bebês".

Em vez disso, vejamos algumas das maneiras pelas quais podemos tentar parecer mais bebês para ser melhores estudantes de inglês e aprendizes de línguas.

1. Seja naturalmente curioso

bebê aprendendo inglês sendo curioso
Um sujeito curioso

Para um bebê, tudo é novo. Eles não sabem de nada. Então, para aprender, eles precisam ser curiosos. Eles precisam perguntar como algo se chama, eles precisam perguntar se não entendem uma palavra, estão constantemente no modo 'descoberta'.

Dê uma olhada no próximo bebê que você encontrar.

Quando estão acordados, é claro, seus olhos estão constantemente olhando ao redor. Eles estão interessados em tudo, da parede ao guarda-roupa, do ventilador a uma colher pequena, querem entender o mundo e como ele funciona.

Todo aluno de idiomas deve tentar ser tão curioso quanto um bebê.

Como um curioso aprendiz de idiomas, você estará constantemente tentando usar novas palavras e frases, perguntará se não entende alguma coisa e estará sempre procurando material novo e interessante para aprender.

Como um bebê, você deve estar constantemente explorando, constantemente descobrindo novas palavras e frases. Não se retraia para o que sabe, alcance o mundo misterioso e mágico do que não conhece.

2. Eles 'aprendem' através da 'aquisição'

bebê aprendendo inglês por aquisição
Adquirir um pedaço de pau, como adquirir um idioma

Vários estudos sugerem que a maneira mais eficaz de aprender um idioma é através da aquisição, não através do 'aprendizado'.

Em inglês simples, isso significa que você deve melhorar o inglês usando inglês, ouvindo, lendo e consumindo conteúdo no idioma de destino. Curta este artigo :)

Exercícios de gramática monótonos e exercícios de vocabulário não são apenas tediosos, eles são significativamente menos eficazes do que a maioria dos professores e escolas de idiomas que você imagina.

Os bebês, por outro lado, aprendem no contexto.

Eles vêem um sapo, depois ouvem a palavra 'sapo' e sabem como se chama. Eles não estudam livros com nomes de animais. Ou, se o fazem, estão lendo uma história sobre um sapo. Então, eles aprendem a linguagem através da "aquisição", usando-a de maneira natural.

3. Eles escutam

bebê aprendendo inglês ouvindo
Um excelente aluno de inglês entende como ouvir

Todo mundo ouve quando aprende um idioma, mas ninguém ouve como um bebê.

Na verdade, os bebês passam os primeiros 6 meses de vida apenas ouvindo.

Sim, esses primeiros meses estão cheios de todos os tipos de outras maravilhosas experiências de aprendizado além do aprendizado de idiomas, mas elas apenas ouvem. Não é uma coisa muito grande, além do som ocasional de 'guh' ou 'bah'.

Um grande erro que muitos aprendizes de línguas cometem quando começam a aprender um idioma é começar a falar desde o primeiro dia.

Sim, existem todos os tipos de pessoas na Internet que lhe dirão que você precisa falar desde o primeiro dia, mas

  1. A maioria deles é para falantes nativos de inglês que aprendem um segundo idioma para 'padrão de férias' (podendo conversar algumas vezes e impressionar amigos e familiares)
  2. Há muita pesquisa acadêmica que mostra que um período de escuta antes de começar a falar é extremamente valioso. Sim, você deve realmente se concentrar em ouvir antes de tentar falar. Uma razão para isso é que falar desde o início pode ser um exercício estressante e que a linguagem é adquirida mais facilmente em situações de baixo estresse.

O motivo para priorizar a audição é que é apenas ouvindo os falantes nativos que você será capaz de entender como os nativos realmente falam.

Se você falar desde o primeiro dia, provavelmente usará estruturas semelhantes à sua língua materna, apenas 'traduzindo' enquanto fala.

Isto é mau. Muito ruim.

Sim, você provavelmente ficará mais confiante ao falar. Você será capaz de falar mais rápido, e pode parecer que você está ficando mais fluente (no sentido de palavras saindo da boca mais rapidamente).

Mas se você não estiver ouvindo como os falantes nativos realmente falam, e se estiver apenas memorizando mais palavras para poder falar mais rapidamente, sempre traduzindo da sua língua nativa, será dolorosamente óbvio para um falante nativo em inglês e você continuará a cometer erros após erros no seu inglês.

Os bebês, embora subconscientemente, fazem isso de qualquer maneira. Eles não podem falar, então eles ouvem.

4. Eles não têm medo de cometer erros

bebê aprendendo inglês cometendo erros

Sim, os bebês têm a vantagem de serem freqüentemente corrigidos quando cometem um erro lingüístico e, como adultos, os falantes nativos nem sempre podem corrigi-lo se você cometer um erro.

Mas os bebês não se importam menos se cometerem um erro. Eles não têm vergonha.

Quando eles cometem um erro. ou são corrigidos por um adulto ou ouvem um adulto dizendo algo de uma maneira diferente e sabem que cometeram um erro.

Então, da próxima vez, ou depois disso, ou depois disso, eles não cometerão novamente o erro.

Como aprendizes de línguas para adultos, muitas vezes somos conscientes de cometer erros. Mas não deveríamos estar. Não há nada errado em cometer um erro, desde que você saiba que o cometeu e faça um esforço para não cometer o erro da próxima vez.

É como você aprende.

5. Eles estão sempre tentando coisas novas

bebê aprendendo inglês tentando coisas novas
Bebê tentando aprender inglês na piscina

Como aprendiz de linguagem adulta, é fácil recuar para a mesma linguagem confortável que conhecemos. Para usar uma palavra simples em vez de algo mais colorido.

Dizer apenas sempre 'bom' em vez de 'excelente', 'fantástico' ou 'maravilhoso'.

Ser a pessoa que apenas responde a uma pergunta, em vez de fazer perguntas.

Mas bebês e crianças não fazem isso - eles estão sempre tentando novas palavras e frases.

Sim, eles cometem erros (ver ponto 4), mas é a única maneira que eles aprendem.

Uma das maneiras mais fáceis de avaliar o nível de inglês de um falante não nativo é através do tipo de vocabulário que eles usam.

Simples nem sempre significa ruim e, ocasionalmente, simples é bom e faz o trabalho.

Mas se você está buscando fluência, sabe que simples não é bom o suficiente.

Você sabe que deve dizer algo como, bem, ' buscando a fluência ' em vez de ' tentar ser muito bom '.

Sempre põe um sorriso no meu rosto sempre que encontro uma criança que usa vocabulário complicado, e sempre penso que essa é uma qualidade invejável das crianças que a maioria dos adultos perde após um certo período de tempo.

Então, o que podemos aprender sobre como aprender inglês de bebês e crianças?

Bem, ao que parece, muito mais do que se poderia pensar originalmente.

Se você está tentando ser tão curioso sobre como o mundo funciona como um bebê recém-nascido e está procurando uma maneira simples de nutrir sua mente, confira o podcast Aprendizado de Inglês para Mentes Curiosas, de Leonardo English. Disponível onde quer que você obtenha seus podcasts .